Capatão: Deep jigging vertical


Um exemplar capturado em "Depp Jigging Vertical", pelo Tiago Teixeira, com 14,780 kg


Um exemplar que proporcionou uma luta fora do normal. Os meus parabéns ao Tiago, pois foi o primeiro exemplar capturado e logo com este peso.

Deep Vertical Jigging proporciona capturas deste tipo

Família:
Pertence à família dos esparídeos
Longevidade: 20 a 22 anos
Comprimento: Aproximadamente 1 metro
Peso: Até 15 kg, podendo ultrapassar
Profundidade: Até 220 metros

Características:

- Dispõem entre sete a nove raios moles na barbatana anal;


- São hermafroditas protogínicos, muitos indivíduos nascem e maturam como fêmeas e mudam depois de sexo, tornando-se macho, (os indivíduos com menos de 30 cm de comprimento são sobretudo fêmeas, e os de grande porte sobretudo machos), provavelmente uma forma de protecção a possíveis predadores das futuras gerações.

Obs: São diferentes dos Sargos (Diplodus sargus) que embora pertençam à família dos Esparídios são hermafroditas Protândricos, isto é, usa este tipo de hermafroditismo de forma a aumentar a fecundidade das populações;

- Ao atingirem a fase adulta têm uma bossa na testa muito pronunciada;


- De coloração particular - de cor geralmente cinzento-rosada mas com face, testa e barbatanas mais escuras e uma evidente banda vertical branca nas pontas da barbatana caudal;


- Têm quatro dentes caninos na mandíbula superior e seis na inferior.


Fonte artigo: horta.uac
Fotos: Pedro Morgado
Agradecimento: Pedro PT

6 comentários:

S. Ferreira disse...

Olá, Fernando.
Bonito peixe.
São muito agressivos e mais combativos que o pargo legítimo.
Nunca apanhei nenhum.
Na próxima Primavera tenho que fazer uma ou duas saídas a sul da tua zona, para ver se me sai um na rifa.
Um abraço.

Sargus disse...

Viva Sérgio.

Só férias...

Fazes bem...

;)

Imagino a luta de um exemplar destes arranca-lo a uns 70 m de profundidade.

Este foi capturado à pouco tempo.

Abraço

Ernesto Lima disse...

Viva Fernando!

Parabéns ao Tiago!

É uma captura e tanto!

Ainda não me saiu nada disso ali pela minha zona.

Já capturei lá por fora da Carrapateira, agora ali por Sines ainda nada...

Um dia destes há-de sair! Até lá vou-me deleitando com outras capturas que vão acontecendo.

Lindo peixe!

Abraço

Ernesto

Sargus disse...

Viva Ernesto.

para o primeiro exemplar capturado desta espécie pelo Tiago não está mau...

Um exemplar e tanto tamanho...

Fora da Carrapateira, já lá fui duas vezes mas tambem ainda nada...

Como tu dizes um dia destes há-de sair, tenho fé.

Bom não te podes queixar muito, entre sarrajoes, pargos, sargos, douradas, saimas, garopas e demais tens boas opções e conhecimentos mais que suficientes para nos ires brindando com essas capturas no teu blog.

;)

Grande abraço.

Anónimo disse...

BOAS PESSOAL
ESTE GAJO E O MAIOR "BORRADO" (PARA NAO DIZER OUTRA COISA) DO MUNDO. SEGUNDA VEZ QUE VAI ZAGAIAR E ,TUNGA, SAI-LHE LOGO O EUROMILHOES . O MORGADO FICOU EM CHOQUE E LARGOU LOGO UM "GRANDA CAGADO,VAI-TA PRO......". NO FINAL DO DIA AINDA
RANGIA OS DENTES E TAVA CAPAZ DE LHE DAR COM O PARGO NAS VENTAS.
NO MOMENTO EM QUE FERRARAM AQUELE
"JAQUIMZINHO" AQUELE BARCO DEVIA PARECER A MATERNIDADE ALFREDO DA COSTA EM HORA DE PONTA......TAL ERA A GRITARIA.....HEHEHEHEHEHEHE
ABRAÇOS

Sargus disse...

Boas PT

Anzol na água é uma forca de peixe, sempre me ensinaram isso...

Já não é mau... á segunda um peixe destes, eh, eh, eh...

O Morgado é o que anda á procura já faz um tempinho...

"MATERNIDADE ALFREDO DA COSTA EM HORA DE PONTA"

Eh, eh, eh...

Espaço não havia muito, se o menino apontasse a fisga para terra vinham fazendo surf...

Abraço.